WhatsApp Twuitter

Quinta, 12 de outubro de 2017, 17h40

decisão do STF

Parlamentares estão sob suprema proteção, diz procurador da Lava Jato


 O procurador da República Deltan Dallagnol, da Operação Lava Jato, declarou em sua página no Facebook que os políticos, agora, têm uma ‘nova proteção‘. Ele comentou o julgamento do Supremo Tribunal Federal nesta quarta-feira, 11, que decidiu, por seis votos a cinco, que medidas cautelares impostas aos deputados e senadores terão de passar pelo crivo do Legislativo.

‘Não surpreende que anos depois da Lava Jato os parlamentares continuem praticando crimes: estão sob suprema proteção‘, ironizou o procurador.

‘Parlamentares têm foro privilegiado, imunidades contra prisão e agora uma nova proteção: um escudo contra decisões do STF, dado pelo próprio STF‘, postou Deltan.

O julgamento, que se arrastou por quase 12 horas, vale também em relação a medidas determinadas contra vereadores e deputados estaduais.

O procurador ressalvou a atuação de alguns ministros, como Edson Fachin e Luís Roberto Barroso, vencidos na votação. ‘Fica o reconhecimento à minoria (no Supremo) que vem adotando posturas consistentes e coerentes contra a corrupção, especialmente M. Fachin e Barroso.‘



// matérias relacionadas

Quarta, 13 de dezembro de 2017

18:00 - Irmão de Cabral assume ter recebido dinheiro por empresa e não prestado serviço

Terça, 12 de dezembro de 2017

11:37 - Odebrecht muda política para separar família e gestão

11:29 - Moro estende perícia a sistema de propina da Odebrecht revelado pela Suíça

11:28 - Relator da CPMI da JBS pede indiciamento de Janot e Pelella por três crimes

07:57 - Marqueteiros falam em R$ 20 milhões de caixa dois a Haddad

Segunda, 11 de dezembro de 2017

12:04 - Picciani admite ter vendido gado para empresa suspeita de caixa 2

08:36 - Operação da Polícia Federal investiga esquema de propina em créditos tributários

Quinta, 07 de dezembro de 2017

08:48 - Futuro da investigação da Lava Jato está em jogo, diz delegado da PF

Quarta, 06 de dezembro de 2017

08:54 - Mãe de Geddel e Lúcio teria papel ativo na lavagem de dinheiro

Terça, 05 de dezembro de 2017

11:36 - Tribunal de 2ª instância de Lava Jato mantém bloqueio de ativos de Bendine


// leia também

Quarta, 13 de dezembro de 2017

19:30 - Mais uma ação penal contra Eduardo Cunha vai para as mãos de Moro

18:30 - Projeto que altera lei dos Planos de Saúde não será votado este ano

13:56 - Agentes da PF deixam a Câmara, e deputado Gaguim refuta acusações

13:47 - 'Quero ser inocentado para ser candidato', diz Lula

11:50 - Brasil está indo tão bem ou melhor do que no governo Lula, diz Meirelles

11:49 - PF vasculha casa do governador do Tocantins

11:46 - Não quero ser candidato se for culpado, afirma Lula em reunião com bancadas

11:45 - Marco Aurélio vota a favor de a PF realizar acordo de colaboração premiada

11:45 - Executiva do PSDB decide fechar questão a favor da reforma da Previdência

08:18 - Aliados de Temer já admitem que reforma da Previdência deve ficar para 2018