WhatsApp Twuitter

Quarta, 07 de março de 2018, 08h44

Antigo recurso

Supremo decide hoje se tribunais regionais podem cassar eleitos


O plenário do STF (Supremo Tribunal Federal) vai julgar nesta quarta-feira (7) se os TREs (Tribunais Regionais Eleitorais) podem cassar o mandato de governadores, senadores e deputados estaduais e federais.

A discussão foi levantada pelo PDT (Partido Democrático Trabalhista), que questiona a competência do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para cassar mandatos.


STF vota sobre questões eleitorais nesta quarta (7) 

Os TREs são cortes de segunda instância da Justiça Eleitoral nos Estados e, de acordo com o atual entendimento da Justiça, os recursos para cassar mandatos desses políticos só podem ser apresentados ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que é a terceira e mais alta instância da Justiça Eleitoral.

Com uma eventual mudança, os políticos desses cargos têm mais chance de serem empossados e manterem os mandatos caso a eleição seja contestada. Isso porque criaria uma instância inferior que avaliaria os recursos da defesa.

A ação que questiona a competência do TSE para cassar mandatos está no STF desde 2009. O então relator do processo, ministro Eros Grau, que está aposentado, concedeu uma liminar para suspender a tramitação de todos os pedidos de cassação contra políticos que ocupam tais cargos, que forem feitas diretamente ao TSE, sem passar por instâncias anteriores (os tribunais regionais eleitorais).

Ainda em 2009, a maioria do STF manteve o entendimento de que a competência para julgar os recursos sobre cassação de mandatos de governadores, senadores e deputados estaduais e federais é do TSE. Com a decisão, o plenário cassou a liminar e manteve a no TSE a tramitação dos recursos.

 



// matérias relacionadas

Quinta, 21 de junho de 2018

12:09 - Cautelar pedida por Lula pode suspender efeito da Ficha Limpa, afirma advogado

12:08 - PT de Minas cogita Dilma como plano B a Pimentel

11:59 - Eleição pode ser anulada caso resultado seja influenciado por fake news, diz Fux

11:19 - Cármen Lúcia critica demonização da política e excesso de siglas partidárias

Segunda, 18 de junho de 2018

16:25 - Alckmin afina alianças do PSDB com PSD em jantar na casa de Kassab

16:04 - Não seria demais falar que quase tudo está errado no Brasil, diz Bolsonaro

13:18 - Alckmin diz que apoio de Temer seria honroso, mas lembra que MDB tem candidato

10:41 - Alvaro Dias recusa apoiar candidatura de irmão no Paraná

08:22 - Na Bahia, Rui Costa enfrentará temas espinhosos na campanha

Sábado, 16 de junho de 2018

13:30 - Marco Aurélio afirma que ato ressoa como censura


// leia também

Sexta, 22 de junho de 2018

11:21 - Morre aos 91 anos o ex-governador da Bahia e ex-ministro da Defesa Waldir Pires

09:09 - Lewandowski nega sessão secreta para julgamento do pedido de liberdade de Lula

09:03 - Cármen vai arquivar investigação sobre áudio de Joesley que cita ministros

Quinta, 21 de junho de 2018

13:30 - Decisão do Supremo vai destravar delações fechadas com a polícia

13:00 - Alvo de ação da PF em SP, foi diretor da Kroll e presidente da Dersa

12:30 - PF pega R$ 100 mil em dinheiro vivo com alvo de fraudes no Rodoanel de SP

11:27 - Polícia deflagra Operação Greenwich, 52ª fase da Operação Lava Jato

10:02 - Procurador diz que autorizar PF a firmar colaboração ajuda criminosos

09:59 - PF inicia operação que investiga desvio de recursos no Rodoanel

Quarta, 20 de junho de 2018

17:00 - Discussão sobre restrição de foro é retomada na Corte Especial do STJ