WhatsApp Twuitter

Sábado, 14 de abril de 2018, 13h00

Prisão de Lula provoca nas redes temor por Bolsonaro presidente, diz FGV


Um estudo da Fundação Getúlio Vargas/DAPP (Diretoria de Análise de Políticas Públicas) sobre a reação das redes sociais à prisão de Lula revela que 5,6 milhões de menções ao caso foram feitas ao longo desta semana somente no Twitter. Do total, a maior parte dos usuários critica a ‘desigualdade‘ nos processos judiciais sobre corrupção e se diz preocupada com a possibilidade de ascensão do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) nas eleições presidenciais de 2018.

O grupo que aparece em laranja nos gráficos de volume de pessoas que comentam a prisão de Lula nas redes corresponde a 42,46% das manifestações no Twitter. Segundo a FGV/DAPP, são pessoas que se mostram ‘muito preocupadas a possível eleição de Bolsonaro como presidente frente à prisão de Lula, único candidato que impedia o deputado de se tornar o nome mais cotado para ganhar em outubro‘.

O nome do deputado se destaca em outro grupo, em azul - 23% dos perfis, que corresponde a pessoas que ’comemoram a prisão (de Lula) e criticam petistas e partidos de esquerda’. ‘Também defendem o comandante general Villas Bôas e criticam o posicionamento da esquerda de polemizar a postagem do mesmo‘, explica a FGV, em alusão à mensagem que o militar tuitou apontando para a ’impunidade’ na véspera do julgamento no Supremo do habeas corpus preventivo de Lula.

‘Dentre seus principais influenciadores encontramos o perfil do deputado federal Eduardo Bolsonaro (@BolsonaroSP), o pré-candidato Jair Bolsonaro (@jairbolsonaro) e o perfil @Desesquerdizada, contando com 15.477, 3.996 e 3.840 retuítes‘, pontua o estudo.

Praticamente empatado, ocupando 23,18% das redes no debate em torno da prisão do ex-presidente, há o grupo vermelho, que , segundo a FGV, é ‘formado por membros da esquerda tradicional, contando inclusive com o pré-candidato do PsoL @GuilhermeBoulos como principal influenciador, que teve 21.163 retuítes durante o período‘. ‘O segundo principal influenciador foi um perfil de apoio ao petista Fernando Haddad, @Haddad_Femando, com 5.795 tuítes, sendo seguido por @zeantoniotoledo com 3.293 retuítes.‘

A minoria, de 5% dos usuários, ‘se coloca favorável a ações contra a corrupção como a Lava Jato, a despeito de qualquer identificação partidária‘, segundo o estudo.

A FGV/DAPP ainda pontua que o grupo verde no gráfico comemora a prisão de Lula porque julga ser o início da responsabilização de crimes de corrupção, dizendo que Temer, Aécio e Jucá ’seriam os próximos’.

Os perfis dos jornalistas André Trigueiro e Marcelo Tas e do jornal Folha de S. Paulo nas redes são os principais influenciadores, com 2951 retuítes de outros usuários.

Para o estudo, o ‘debate econômico desta semana colocou no centro da discussão temas como desemprego, crescimento econômico e inflação‘.

‘A prisão do ex-presidente Lula predominou e fortaleceu o debate entre direita e esquerda econômica, com a disputa entre qual governo responsabilizar pelo número de desempregados no país. As ponderações realizadas pelos usuários trataram sobre os fatores que contribuem para o que eles avaliam como difícil recuperação econômica do país. A troca dos ministros da Fazenda e de Minas e Energia também repercutiu no mercado e no debate quanto às expectativas de desempenho dos indicadores econômicos tanto do Brasil quanto da Eletrobras‘, afirma. 



// matérias relacionadas

Sexta, 13 de julho de 2018

11:54 - Cela não pode servir de palanque a Lula, diz advogado

08:00 - Defesa de Lula diz que Delcídio fez acusação para obter 'benefícios'

Quinta, 12 de julho de 2018

15:30 - STJ recebe mais 260 habeas corpus em favor de Lula

13:51 - Juiz do DF absolve Lula e outros seis réus no caso Delcídio

Quarta, 11 de julho de 2018

14:59 - Presidente do STJ nega 143 pedidos de liberdade para Lula

Terça, 10 de julho de 2018

14:43 - Presidente do STJ nega pedido de liberdade ao ex-presidente Lula

10:25 - Lula diz que será candidato para 'recuperar soberania do País'

Segunda, 09 de julho de 2018

18:29 - 'Eu nem sairia de Curitiba', diz Lula a advogado

16:22 - Desembargador mantém decisão que impediu soltura de Lula

13:46 - PT não vai arredar pé da candidatura de Lula, diz Gleisi


// leia também

Quarta, 18 de julho de 2018

18:00 - Ministra mantém preso ex-diretor da OAS condenado na Lava Jato

17:45 - 'Bolsonaro não combina com nosso partido', diz presidente estadual do PRP

15:13 - Mulher de Eduardo Cunha é condenada pelo Tribunal da Lava Jato

14:03 - Celso de Mello autoriza Cristiane Brasil a participar de Executiva do PTB

13:54 - Dinheiro vivo declarado na eleição será fiscalizado

12:50 - Em Cabo Verde, Temer anuncia cooperação coma imprensa e TVs públicas da CPLP

12:30 - Ciro diz que acordo Embraer-Boeing é clandestino e ameaça segurança nacional

09:11 - Delação premiada cita repasse para empresa de filhos de José Yunes

09:00 - Mesa Diretora da Câmara decide em agosto se Maluf deve perder mandato

Terça, 17 de julho de 2018

17:34 - Cassação de Maluf deve voltar a ser discutida na Câmara em agosto