WhatsApp Twuitter

Quinta, 12 de julho de 2018, 08h43

política nacional

Congresso conclui votação da LDO e derruba proibição a reajuste para servidores em 2019


O plenário do Congresso Nacional concluiu no início da madrugada desta quinta-feira, 12, a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019, selando o fim da sessão antes do recesso parlamentar. Depois de derrubar trechos que vedavam a aprovação de reajustes a servidores públicos e que obrigavam o próximo governo a cortar 5% das despesas com custeio administrativo no ano que vem, o plenário decidiu manter o texto enviado pela equipe econômica para conseguir cumprir a chamada ‘regra de ouro‘ do Orçamento, que impede a emissão de dívida para pagar despesas correntes, como salários.

Foto: Jonas Pereira

Havia dois destaques que pretendiam derrubar a proposta do governo para a regra de ouro, que é permitir o condicionamento de despesas à aprovação de um crédito suplementar em 2019, no valor do rombo existente (calculado em cerca de R$ 260 bilhões). Mas eles foram rejeitados pelo plenário do Congresso Nacional.

Os parlamentares ainda mantiveram os bancos públicos como únicos agentes autorizados a fazer repasses de verbas de emendas parlamentares a Estados e municípios. O relator, senador Dalírio Beber (PSDB-SC), havia proposto que essa autorização fosse estendida a bancos privados, numa tentativa de ampliar a concorrência e diminuir as taxas de administração pagas pelos beneficiários às instituições oficiais. Mas essa mudança foi rejeitada pelo plenário, e a regra continua sendo a atual, que permite apenas bancos públicos.

O plenário do Congresso também rejeitou destaque que pretendia derrubar a vedação de reajustes nas verbas de gabinetes parlamentares em 2019.



// matérias relacionadas

Quarta, 06 de junho de 2018

12:30 - Apesar de promessa, 254 servidores da Câmara de SP ganham acima do teto

09:02 - Câmara aprova projeto para proibir casamento de menores de 16 anos

Quarta, 28 de março de 2018

08:48 - PEC para regular prisão em segunda instância ganha força na Câmara

Quarta, 14 de março de 2018

09:37 - Câmara tem 36 projetos para ampliar a licença-paternidade

Quarta, 28 de fevereiro de 2018

08:36 - Câmara aprova MP que facilita renegociação de dívida dos estados com a União

Sexta, 16 de fevereiro de 2018

11:39 - Ideia é regulamentar supersalários após STF julgar liminar do Fux, diz Maia

Segunda, 15 de janeiro de 2018

11:38 - Passagem aérea custa até R$ 45 mil para Câmara

Quarta, 27 de dezembro de 2017

08:28 - Maia indaga STF sobre perda automática de mandato de Maluf

Sexta, 22 de dezembro de 2017

11:19 - Câmara concede aposentadoria de quase R$ 10 mil a José Dirceu

Quarta, 13 de dezembro de 2017

08:12 - Polícia Federal faz operação na Câmara e investiga dois deputados


// leia também

Terça, 17 de julho de 2018

17:34 - Cassação de Maluf deve voltar a ser discutida na Câmara em agosto

15:30 - Líder do PR diz que bancada está dividida entre Lula e Bolsonaro

14:09 - Prefeitura do Rio diz que imprensa divulga 'colocações distorcidas' de Crivella

14:06 - Como presidente em exercício, Cármen cumpre agenda intensa de compromissos

13:30 - Maria Silvia: reforma é importante, mas é preciso ambiente de negócios melhor

13:10 - Cármen Lúcia assume Presidência da República interinamente

11:22 - Marina lança site para arrecadar recursos e financiar campanha eleitoral

09:03 - PF desarticula grupo que clonou celulares de ministros de Temer

Segunda, 16 de julho de 2018

20:30 - Cármen Lúcia assume Presidência da República nesta terça e quarta-feira

20:08 - Governo de SP prepara ação contra a União por greve dos caminhoneiros