WhatsApp Twuitter

Sábado, 13 de janeiro de 2018, 09h53

Formação de frentinha

Apoio à majoritária é desafio para nanicos em busca de uma vaga na ALMT

Renan Marcel, especial para A Gazeta


Otmar de Oliveira

A articulação em prol da formação de uma “frente suprapartidária”, cujas siglas não possuem representatividade na Assembleia Legislativa ou entre a bancada federal de Mato Grosso, terá que elaborar uma “engenharia política” para conseguir abrigar todas as legendas interessadas em formalizar o grupo e, ao mesmo tempo, suas respectivas alianças ou manifestações de apoio para as candidaturas majoritárias nas eleições deste ano.

A avaliação é do vereador por Cuiabá Dilemário Alencar (Pros), um dos líderes partidários envolvidos na movimentação na Câmara de Cuiabá. Segundo ele, além do Pros, o grupo é composto, até o momento, pelo PRB, da ex-senadora Serys Slhessarenko, o PMN, PPL, o PRTB, do vereador Macrean Santos, e o Avante (antigo PTdoB), do vereador Juca do Guaraná.

Também tem se interessado pelas tratativas o Podemos, cujo principal nome é o do senador José Medeiros, candidato à reeleição e cotado governador pelo próprio partido.

As conversas sobre a frente dos “nanicos” ainda é embrionária, mas a meta é alcançar também legendas como o PRT, do líder do prefeito, vereador Lilo Pinheiro, PSDC, representado na Câmara de Cuiabá pelo vereador Elizeu Nascimento, e o PSL, do Wilson Kero Kero, que deverá receber o deputado federal e presidenciável Jair Bolsonaro.

Diante de tanta diversidade e histórico de alianças, a discussão deve se aprofundar sobre a liberdade de cada partido em apoiar os candidatos ao governo de Mato Grosso e ao Senado.

Para presidente, já é certa a livre associação. Uma reunião marcada para este mês deve consolidar, ou não, a estratégia. O grupo teme o efeito do chamado “fundão partidário”, aprovado pela Câmara Federal no ano passado para financiar campanhas eleitorais. “Não vai ter outro jeito a não ser nos unirmos. A máquina partidária das grandes legendas ficou muito mais forte”, avalia Dilemário.



// matérias relacionadas

Domingo, 22 de abril de 2018

08:45 - Medo de escândalos inibe doações de eleitores

Quinta, 19 de abril de 2018

18:00 - Não convenci a mim mesmo que devo ser candidato, diz Joaquim Barbosa

Quarta, 18 de abril de 2018

11:43 - Com Mendes indeciso, Jayme diz que está pronto para disputar governo

Sábado, 14 de abril de 2018

08:50 - Bolsonaro alinha-se ao regime da escravidão, diz Raquel

Sexta, 13 de abril de 2018

19:30 - Demora do STF sobre caso Demóstenes pode trazer prejuízo às eleições

19:00 - PDT de Ciro usará visita a Lula para se reaproximar do PT

15:11 - Taques tenta se aproximar de Jayme de todas as formas, diz Júlio Campos

Domingo, 08 de abril de 2018

13:30 - Alckmin sai com promessas em atraso

13:00 - Eleição presidencial já tem 14 pré-candidatos oficializados

Sexta, 06 de abril de 2018

20:15 - Não sou puxadinho do PT e não serei jamais, diz Ciro Gomes


// leia também

Segunda, 23 de abril de 2018

14:49 - Emanuel anuncia ex-secretário de Silval na Procuradoria Geral de Cuiabá

12:05 - Sachetti diz que trabalhará candidatura de oposição ao governo Taques

Domingo, 22 de abril de 2018

08:58 - 'Vamos votar para tirar políticos indesejáveis do Estado', propõe Zeca Viana

Sábado, 21 de abril de 2018

20:36 - Pivetta dispara contra Taques e o chama de 'vagabundo, mentiroso e mau caráter' - ouça

16:23 - Governo 'esquece' convênio e reabertura da Salgadeira é adiada outra vez

08:00 - Estado deve R$ 100 milhões à Assembleia de duodécimo atrasado

Sexta, 20 de abril de 2018

16:25 - Procuradoria emite 2 pareceres contraditórios sobre vereador presidir Intermat

12:12 - Fundo emergencial será destinado para a saúde, diz Botelho

Quinta, 19 de abril de 2018

15:56 - Diego deixa presidência do Intermat um dia após posse

13:10 - Mauro Mendes rebate Taques e diz que citação bíblica é para 'aparecer'