WhatsApp Twuitter

Domingo, 06 de maio de 2018, 08h00

pelo grupo de oposição

Viana aposta em chapa Pivetta-Mendes e tentará apoio de Fagundes

Celly Silva, repórter do GD


Chico Ferreira

Zeca Viana, na condição de presidente do PDT, recuou de sua pré-candidatura abrindo a vaga para o correligionário Otaviano Pivetta 

Após recuar de sua pré-candidatura ao governo do Estado abrindo espaço para o ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta (PDT), o deputado estadual Zeca Viana, que é presidente do PDT, está otimista com a possibilidade de o ex-prefeito de Cuiabá Mauro Mendes (DEM) ser vice na chapa de Pivetta. A ideia é que a dupla de empresários represente o grupo de oposição ao governador Pedro Taques (PSDB) que ainda não fala publicamente como pré-candidato, mas sinaliza que deve buscar a reeleição. 

“O Mauro deu sinal verde que pode ser o vice do Pivetta”, destaca Viana ao lembrar que o próprio Mendes disse em entrevista que não vê problema em ajudar o projeto de outra pessoa.

Reprodução/Gazeta Digital

Para viabilizar uma chapa encabeçada por Otaviano Pivetta e Mauro Mendes, o presidente do PDT tentará demover Wellington Fagundes de ser candidato

Agora, o deputado Zeca Viana quer somar o apoio do também pré-candidato ao governo pela oposição, senador Wellington Fagundes (PR). E o argumento para fazê-lo desistir de sua própria candidatura será a união dos partidos de oposição contra Taques. “Ele sabe que duas candidaturas da oposição só favorecem o Taques. Mais 4 anos de administração Taques seria um retrocesso muito grande para Mato Grosso”, avaliou.

Viana se diz “animadíssimo” com uma possível chapa Pivetta-Mendes, que vê como forte o suficiente para retirar o governador Pedro Taques do Palácio Paiaguás. “O Pedrinho vai estar no mato sem cachorro”, brincou Zeca em entrevista ao Gazeta Digital.

Questionado se a possibilidade de Mendes ser vice de um candidato do PDT é uma posição apenas do ex-prefeito de Cuiabá, ou do partido Democratas, Viana ressalta que nada está definido e que ainda será preciso “conversar muito”. Essas conversas, segundo ele, devem começar na próxima terça-feira (8), quando Mendes retorna de uma viagem. 

“O Mauro não definiu se será candidato e, com essa abertura que ele deu, realmente, eu acho que ele só aceita de vice. Mas vamos conversar semana que vem, ele está viajando e só chega na terça. O Pivetta está muito animado”, afirmou Viana que sabe do interesse da cúpula do DEM em disputar a vaga majoritária seja com Mauro Mendes ou o ex-senador Jayme Campos na condição de cabeça de chapa.

Leia também - Pivetta assume lugar de Zeca na pré-candidatura ao governo pelo PDT

A animação do presidente do PDT em Mato Grosso também se deve à possibilidade de seu partido eleger o 2º governador do Estado em 2 pleitos consecutivos tendo em vista que Pedro Taques foi eleito em 2014 pelo PDT, mas depois mudou para o PSDB. Eles acredita que Otaviano Pivetta, se eleito, não vai romper com o partido a exemplo do que ocorreu com Taques. “Não tenho dúvida com o Pivetta, nem passa na cabeça dele essa possiblidade”, afirma.

Dessa forma, estaria faltando para o PDT apenas fechar a coligação para a campanha. Viana acredita que é possível entrar em um entendimento com o DEM, de Mauro Mendes, mas que também tem Jayme Campos como possível candidato a governador.



// matérias relacionadas

Sexta, 17 de agosto de 2018

19:49 - MPE barra candidatura de Miguelão a deputado

19:35 - TRE define tempo de propaganda no rádio e TV

18:31 - Pecival Muniz declara apoio a Jayme Campos para o Senado

16:21 - TRE nega pedido de Mendes para exonerar 20 assessores do governo

16:15 - Fagundes promete não ficar 'preso' no Palácio se for eleito governador

15:20 - Rui Prado rebate Fávaro e lembra que papel de vice é de ajudar o governo

13:03 - Tenente-coronel manda recado a Mauro Mendes por criticar escala de policiais - veja vídeo

11:46 - Selma Arruda consegue autorização judicial para acessar dados de pesquisa

09:54 - Justiça condena Juca do Guaraná a retirar gabinete itinerante de circulação

07:26 - Burocracia reduz campanha em circulação


// leia também

Sexta, 17 de agosto de 2018

07:15 - Estado faz contraproposta ao projeto de reajuste do FEX

Quinta, 16 de agosto de 2018

19:23 - Deputado Baiano Filho desiste de reeleição e deve apoiar Mendes ao governo

17:29 - Mauro Mendes é gravado criticando escala de PMs e depois fala em fake news - ouça áudios

16:57 - Jayme aponta vantagem de Mauro Mendes em relação a adversários

14:14 - Câmara de Cuiabá institui sessão única durante período eleitoral

13:25 - Ex-secretária de Saúde confirma que nepotismo a fez deixar gestão de Emanuel

13:00 - Mendes inicia campanha criticando gestão Taques e atrasos de repasses

09:55 - Juiz manda retirar outdoor favorável a Bolsonaro em Alta Floresta

07:22 - Candidatos já podem começar a pedir votos

Quarta, 15 de agosto de 2018

19:00 - Taques só entende de grampos ilegais, reage advogado do senador Medeiros