WhatsApp Twuitter

Sábado, 06 de maio de 2017, 10h11

SUPOSTA COBRANÇA DE DÍVIDA

Vereador de Novo Mundo é preso por homicídio qualificado

Redação da PJC/MT


A Delegacia de Polícia Judiciária Civil do município de Novo Mundo (745 km ao Norte) deu cumprimento a dois mandados de prisão temporária por homicídio qualificado, em desfavor dos autores do crime que vitimou um homem na noite de quinta-feira (4).

Câmara Municipal de Vovo Mundo

O vereador Marcos Antônio Bessa é o principal suspeito do homicídio

Foram presos na noite de sexta-feira (5) o vereador Marcos Antônio Bessa e o sócio dele, Maurício Alexandrino de Sousa, ambos de 47 anos. As ordens judiciais de prisão foram representadas pela Polícia Civil após a identificação da participação de ambos no homicídio contra a vítima José Plínio Fernandes da Silva, 54.

O crime ocorreu na residência da vítima, que foi atingida por quatro disparos de arma de fogo. Conforme testemunhas, os suspeitos chegaram na casa em um automóvel Gol de cor branca e chamaram por José Plínio.

Depois de alguns minutos de conversa, José Plínio foi alvejado e os autores fugiram do local. Ao ser socorrida, a vítima revelou que o "vereador Marquinhos" era quem havia efetuado os disparos. José não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do posto de saúde municipal.

Diante dos fatos, os policiais civis e militares iniciaram diligências para localizar os dois envolvidos na ação criminosa.

De acordo com o delegado de polícia à frente do caso, Geraldo Gezoni Filho, ainda na noite de quinta-feira (4), foram tomados depoimentos dos familiares da vítima e testemunhas, sendo imediatamente instaurado inquérito policial de natureza homicídio qualificado, para investigar a ocorrência.

Com base nos indícios de autoria, os dois envolvidos tiveram as prisões temporárias (de 30 dias) representadas pela Polícia Civil, e deferidas pelo juízo competente da Comarca de Guarantã do Norte.

Na delegacia, os suspeitos alegaram que tiveram uma breve discussão, com troca de ofensas instantes antes, e que a vítima estava armada até o momento em que a arma foi tomada por um dos investigados que efetuou os disparos, após entrarem em vias de fato.

“A prisão temporária de 30 dias é necessária para o melhor andamento das investigações, e constatação de possível participação de outras pessoas, bem como apurar a motivação do homicídio”, completou o delegado de polícia Geraldo Gezoni Filho.
 



// matérias relacionadas

Sábado, 19 de agosto de 2017

11:53 - Morador de rua é morto a pauladas em Tangará da Serra

08:33 - Ciclista de 18 anos é executado a tiros em avenida

Terça, 15 de agosto de 2017

19:54 - Empresário desaparecido em Diamantino é encontrado morto

15:47 - Jovem é assassinado a caminho do trabalho

Sábado, 12 de agosto de 2017

08:29 - Dois homens investigados por homicídio são presos com armas e munições

Terça, 08 de agosto de 2017

16:30 - Homem é executado com 3 tiros durante o dia em Rondonópolis

Segunda, 07 de agosto de 2017

14:47 - Corpo de homem morto a tiros é encontrado dentro de saco na BR-364

Sábado, 29 de julho de 2017

12:16 - IML identifica homem encontrado morto e parcialmente carbonizado

10:26 - Dois homens são mortos com mais de 40 golpes de faca em Leverger

Terça, 25 de julho de 2017

17:44 - Mulher mata marido a facadas e alega que estava 'brincando'


// leia também

Domingo, 20 de agosto de 2017

13:18 - PM encontra pistola com munições embaixo da cama de adolescente

12:56 - PM prende três após furto em Lucas do Rio Verde

12:38 - Equipe da TV Record é agredida por empresário amigo de motorista bêbada

11:28 - Cinco tentativas de homicídio são registradas em Cuiabá e VG

10:30 - Policial e namorada são alvos de tiros ao chegarem em casa; ele revida

Sábado, 19 de agosto de 2017

14:15 - 'Operação Cerco Total' da Polícia Militar chega ao Pedra 90 e bairros vizinhos

10:59 - Adolescente é estuprada no bairro Ouro Fino

10:36 - Família inteira é presa no Pedra 90 por abuso de menores

10:19 - Suspeito de estuprar enteadas crianças e prima adulta na Guia é preso

09:55 - Homem procurado há 25 anos pelo assassinato da namorada é preso