WhatsApp Twuitter

Segunda, 12 de março de 2018, 07h00

Delegada pede recambiamento de mandante e acusado de matar personal

Valquiria Castil, repórter do GD


Divulgação/PJC-MT

A delegada Juliana Chiquito Palhares, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), afirmou ao Gazeta Digital que pedirá o recambiamento de Guilherme Dias de Miranda, 34 e Walisson Magno de Almeida nesta segunda-feira (12) de São Paulo para Cuiabá para responderem pelo assassinato do personal trainer Danilo Campos, 28. O pedido será feito à Justiça de São Paulo, local onde os foragidos foram presos na última sexta-feira (9).

Eles são acusados, respectivamente, de serem mandante e executor do personal morto a tiros no dia 8 de novembro do ano passado, na Capital.

A dupla estava foragida há 4 meses e foi capturada pela Polícia Civil de São Paulo. Segundo a delegada, a os detalhes sobre transferência de Guilherme e Walisson serão definidos somente após o pedido ser acatado pela Justiça paulista. “Pediremos o recambiamento dos dois investigados e vamos aguardar a decisão do juiz. Não há informações sobre a chegada deles, mas até quarta teremos uma previsão”, informa a delegada.

Assim que a Justiça de São Paulo determinar a transferência dos investigados, a equipe da DHPP solicitará suporte às Secretaria Estadual de Segurança (Sesp) para providenciar tanto a saída deles do estado paulista quanto a chegada em Cuiabá onde serão interrogados.

Quando foram presos ambos estavam com passagens aéreas compradas para fugir do país. Guilherme, de acordo com a Polícia Civil, possui antecedentes por estelionato e deu demonstrações de acreditar em sua impunidade em função do poder aquisitivo que possuía.

No último dia 21 de fevereiro Ana Lise Hovoruski, 29, que foi aluna do personal trainer, foi presa preventivamente acusada de ter dado suporte ao atirador Walisson atraindo a vítima para o local onde foi morto. Ela era casada com Guilherme e é apontada como o pivô do assassinato. Depois que foi recambiada para Cuiabá, foi colocada em liberdade. 

A investigação é presidida pela delegada Alana Cardoso, que está de férias. Enquanto isso, Juliana Chiquito ficou responsável por dar andamento ao caso. 

O caso

Reprodução/Facebook

Danilo foi executado no dia 8 de novembro na rua Ramiro de Noronha, no bairro Jardim Cuiabá, por volta das 21h30, depois de deixar a Academia Smat Fit, onde trabalhava no bairro Goiabeiras. Parou o veículo Honda Civic e chegou a dizer algumas palavras aos ocupantes da motocicleta. Logo em seguida foi alvejado por pelo menos 4 disparos.

Testemunhas informaram que a vítima estacionou o carro e ao descer foi alvejada por tiros, efetuados pelo garupa de uma motocicleta, com 2 homens, que posteriormente, seguiu em direção a Avenida Miguel Sutil.

Danilo teria mantido um relacionamento com uma aluna, o companheiro descobriu e chegou a tirar a mulher da academia, porém, passou a ameaçar a vítima através de telefonemas e mensagens via WhatsApp. O homem, segundo informações obtidas policiais, chegou inclusive, a ir pessoalmente ameaçá-lo na academia. 



// matérias relacionadas

Quinta, 24 de maio de 2018

09:14 - Juiz mantém prisão de mandante e autor do assassinato de personal

Segunda, 14 de maio de 2018

07:30 - MPE cobra identificação de mais 2 envolvidos na morte de personal

Terça, 08 de maio de 2018

09:19 - Empresário e amigo viram réus por morte de personal e devem ir a júri

Segunda, 02 de abril de 2018

16:05 - Delegada finaliza inquérito sobre a morte de personal trainer e entrega ao MPE

Quarta, 28 de março de 2018

17:05 - Mandante da morte de personal se cala e delegada encerra inquérito

09:54 - Mandante do assassinato de personal será interrogado por delegada

Terça, 20 de março de 2018

15:00 - 'Assassino' de personal permanece em silêncio durante interrogatório

Sábado, 17 de março de 2018

09:38 - Mandante e executor de personal chegam a Cuiabá e vão para presídio

Quinta, 15 de março de 2018

07:00 - Mandante e executor chegam em Cuiabá nesta sexta-feira em avião da Sesp

Sexta, 09 de março de 2018

18:13 - Acusado de mandar matar personal comprou passagem para fugir do país


// leia também

Segunda, 18 de junho de 2018

08:33 - PM é baleado e ladrão morre em troca de tiros

07:45 - Três corpos são encontrados com pés amarrados

Domingo, 17 de junho de 2018

11:52 - Condenação de Maníaco da Lanterna é marco nos trabalhos investigativo e pericial

11:07 - Adolescente aproveita reunião familiar e denuncia padrasto por estupro

10:30 - Dupla armada rende família, rouba carro e troca tiro com a Polícia

09:37 - Homem sem habilitação e bêbado bate em ambulância e foge da Polícia

08:39 - Polícia acaba com festa 'regada' a álcool e drogas oferecidas a menores

Sábado, 16 de junho de 2018

12:51 - Casal de idosos é assassinado a tiros em sítio no interior de MT

12:43 - Bandidos tentam roubar loja e um acaba preso em Santo Antônio

11:34 - Polícia prende dupla por comércio de drogas em oficina mecânica no CPA 3