WhatsApp Twuitter

Quinta, 12 de julho de 2018, 07h17

Polícia

Operação prende narcotraficantes que movimentam R$ 1 milhão ao ano

Redação do GD


A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta quinta-feira (12) a Operação Harlem, com o objetivo de reprimir o tráfico de drogas na região de Barra do Garças e Aragarças (GO). Grupo é suspeito de praticar o comércio de cocaína, maconha, LSD e ecstasy, movimentando anualmente mais de R$ 1 milhão.

Chico Ferreira

Participam da ação 44 policiais, que cumprem nos municípios 13 mandados de prisão preventiva, um mandado de prisão temporária, 12 mandados de busca e apreensão, além de sequestro e bloqueio de bens dos investigados. As ordens judiciais foram expedidas pela Justiça Estadual da Comarca de Aragarças.

Leia também - Mendes nega fraude em leilão e diz que processos não atrapalham campanha - veja vídeos


As investigações tiveram início em 2018, sendo quatro os investigados. No entanto, ao longo do trabalho policial, apurou-se o envolvimento de outras pessoas na associação criminosa, com tarefas específicas e individualizadas. Dos 15 investigados já identificados, quatro já estão presos em decorrência do tráfico de drogas e outros crimes, como homicídio, etc.

O alvo principal e líder da associação foi preso recentemente por suspeitas de tentativa de homicídio, fato ocorrido ao longo da investigação.

O grupo é suspeito de praticar o comércio de cocaína, maconha, LSD e ecstasy numa “boca de fumo” em Aragarças, cuja responsabilidade, além do líder, fica a cargo de seu braço direito e de sua esposa (também alvo de prisão).

Outros investigados são fornecedores e distribuidores da droga, além dos transportadores, contando a associação criminosa com dois mototaxistas presos nesta data por fazerem a entrega de drogas para os clientes dos traficantes.

Estima-se que a associação para o tráfico movimentava anualmente mais de R$ 1 milhão.

O nome da operação faz alusão ao bairro Harlem, palco do seriado da Marvel, Luke Cage, onde um traficante e líder de uma organização criminosa comanda o tráfico de drogas local. O bairro é situado na cidade de Nova York/EUA e é cortado pelos rios Hudson e Harlem. Na Operação Harlem, o principal investigado é líder de uma organização criminosa que comanda o tráfico na cidade de Aragarças (GO), cidade cujas divisas também se dão por rios, o Rio Garças e o Rio Araguaia.



// matérias relacionadas

Quinta, 19 de julho de 2018

08:28 - Preso alega que foi obrigado a pilotar avião com drogas

Quarta, 18 de julho de 2018

09:19 - Polícia Civil apreende tabletes de maconha com traficante em Várzea Grande

Sexta, 13 de julho de 2018

18:06 - Pássaros, drogas e pé de maconha são apreendidos em boca de fumo

17:25 - Rapaz é preso em flagrante por tráfico de drogas em Várzea Grande

09:05 - Polícia prende traficante com droga avaliada em R$ 1,7 milhão

07:40 - 150 policiais desarticulam quadrilha responsável por logística do narcotráfico em MT

Quarta, 11 de julho de 2018

08:41 - Homem é preso com R$ 9 mil escondidos em almofada

Domingo, 08 de julho de 2018

12:21 - DRE e PRF apreendem quase 500 tabletes de maconha em Chapada dos Guimarães

Sexta, 06 de julho de 2018

16:46 - Seis aeronaves são apreendidas com drogas de janeiro a junho em 2018

09:40 - Traficante é preso com 332 tabletes de maconha em rodovia


// leia também

Sábado, 21 de julho de 2018

09:07 - Corpo com 15 perfurações de faca é encontrado em clube

Sexta, 20 de julho de 2018

18:02 - Doutor Bumbum é suspeito de ter matado namorado da mãe

17:28 - Homem é morto a tiros ao chegar em casa por suspeitos em carro

16:03 - Nervosa, mulher tenta fugir de aeroporto com 5 kg de cocaína e é presa

15:41 - Dupla armada com pistola é presa com R$ 15 mil em barra de ouro pela PM

15:05 - Caminhoneiro é mantido em cativeiro durante roubo de 52 toneladas de milho

14:28 - Dono de distribuidora do CPA é preso com cargas de bebidas vinda de MS

13:33 - Agricultor é executado com 10 tiros na frente das netas

09:40 - Caminhoneiro é assassinado por motociclista com tiro na nuca

09:01 - Corpo carbonizado é encontrado dentro de casa incendiada na BR-163