WhatsApp Twuitter

Segunda, 09 de outubro de 2017, 23h15

Governo Trump anuncia que vai derrubar Plano de Energia Limpa de Obama


O titular da Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA, na sigla em inglês), Scott Pruitt, anunciou nesta segunda-feira (9) que a entidade vai derrubar o Plano de Energia Limpa, implementado pelo ex-presidente Barack Obama para controlar as emissões de gases de efeito estufa. A informação é da agência EFE.

Estadão Conteúdo

Ao lado do líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnell, Pruitt anunciou no estado do Kentucky que assinará amanhã a proposta de revogação do plano. "Quando se pensa no que essa regra significava, tratava-se de escolher os ganhadores e os perdedores. O poder regulador não deveria ser utilizado por nenhum órgão regulador para escolher os ganhadores e perdedores", disse.

"A administração passada estava usando cada pedaço de poder e autoridade para usar a EPA e escolher ganhadores e perdedores e como geramos eletricidade neste país", afirmou Pruitt.

Segundo o documento de revogação, divulgado pela imprensa americana, a EPA acata as ordens executivas do presidente Donald Trump pedindo a revisão do plano e questiona a legalidade da regra original.

"Sob a interpretação proposta nesta notificação, o Plano de Energia Limpa excede a autoridade estatutária da EPA e será derrubado", diz o texto. A proposta também diz que a EPA ainda tem que determinar se criará uma regra adicional sobre o regulamento dos gases de efeito estufa.

O plano promovido por Obama requer que os estados cumpram com os padrões específicos de redução de emissões de dióxido de carbono com base no seu consumo individual de energia e também inclui um programa de incentivos para que os estados consigam um avanço no cumprimento das normas sobre a utilização de energias renováveis e a eficiência energética.

No governo Obama, a EPA calculou que o Plano de Energia Limpa poderia prevenir de 2.700 a 6.600 mortes prematuras e de 140.000 a 150.000 ataques de asma em crianças.



// matérias relacionadas

Quarta, 18 de outubro de 2017

16:03 - Tiroteio deixa mortos e feridos nos Estados Unidos

Terça, 17 de outubro de 2017

13:54 - Promotoria da Luisiana decide não processar advogado brasileiro por estupro

Segunda, 16 de outubro de 2017

17:01 - 'Espero que Hillary concorra novamente à presidência', diz Trump

12:41 - Explosão em plataforma de petróleo deixa 1 desaparecido em lago

Domingo, 15 de outubro de 2017

10:48 - Em seis dias, incêndio na Califórnia deixa ao menos 40 mortos

Sexta, 13 de outubro de 2017

14:34 - Trump mantém acordo com Irã, mas nega 'certificação'

14:10 - Ventos fortes mantêm incêndio fora de controle na Califórnia

08:39 - Dirigente da ONU lamenta saída dos Estados Unidos da Unesco

Quinta, 12 de outubro de 2017

12:03 - EUA devem aprovar US$ 36,5 bi para lidar com furacões e incêndios no país

11:21 - Nos EUA, sobe a 23 número de mortos em incêndios na Califórnia


// leia também

Quarta, 18 de outubro de 2017

17:24 - Governador de Porto Rico anuncia fim do toque de recolher

10:31 - Presidente chinês defende autoridade Comunista e promete avançar com reformas

10:25 - Ministra do Interior de Portugal renuncia após série de incêndios florestais no país

08:45 - Dória diz que decisão sobre Aécio foi 'serena e soberana'

Terça, 17 de outubro de 2017

17:27 - Avião do Greenpeace cai no Amazonas e mata uma pessoa

14:06 - Portugal amanhece sem focos de incêndio

12:46 - Aprovação do governo Trump é de 37%; reprovação chega a 57%

Segunda, 16 de outubro de 2017

21:37 - EUA questionam eleições estaduais na Venezuela

19:12 - Michel Temer condena atentado na Somália

16:01 - União Europeia adota novas sanções contra programa nuclear norte-coreano