WhatsApp Twuitter

Sexta, 09 de fevereiro de 2018, 15h06

mundo

Trump assina Orçamento e exalta verbas militares dos EUA


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou nesta sexta-feira (9) a lei orçamentária aprovada nesta madrugada pelo Congresso, pondo fim ao segundo fechamento administrativo sofrido por seu governo em apenas um mês. A informação é da Agência EFE.

Estadão conteúdo

"Já assinei a lei. Nossos militares serão agora mais fortes do que nunca. Nós amamos e precisamos de nossos militares e damos a eles tudo - e mais. A primeira vez que isso aconteceu tem muito tempo. Também significa EMPREGOS, EMPREGOS, EMPREGOS!", disse o presidente em sua conta no Twitter.

Trump lembrou, no entanto, que o pacto orçamentário contém concessões aos democratas, dada a estreitíssima maioria republicana no Senado, onde ele conta com 51 cadeiras, contra 49 do partido opositor.

"Sem mais republicanos no Congresso, fomos obrigados a aumentar os gastos com coisas que não gostamos ou que não queremos para poder, finalmente, depois de muitos anos de esgotamento, cuidar dos nossos militares", escreveu o presidente americano em outro tweet.

"Infelizmente, precisávamos alguns votos democratas para a sua aprovação. Devemos eleger mais republicanos nas eleições de 2018!", tuitou Trump, em alusão às eleições legislativas de novembro deste ano.

Verbas para defesa

O acordo orçamentário contempla um aumento da despesa em Defesa para os próximos dois anos de US$ 165 bilhões, e um número um pouco menor em despesas não relacionadas com o Pentágono, uma exigência dos democratas para investir em despesa social e programas de ajuda, como a assistência a desastres e a crise de opioides.

No entanto, os republicanos conseguiram tirar do debate de financiamento as demandas migratórias dos democratas, como o Programa de Ação Diferida para os Chegados na Infância (Daca, na sigla em inglês) – que regularizaria os imigrantes que chegaram aos EUA quando eram menores de idade. Estas questões devem ser abordadas nos próximos dias no Congresso, de forma independente. 



// matérias relacionadas

Sábado, 17 de fevereiro de 2018

13:00 - Lavrov chama indiciamento no caso das eleições dos EUA de 'conversa fiada'

09:35 - Ministro alemão critica slogan de Trump e pede cooperação entre UE e EUA

Quinta, 15 de fevereiro de 2018

15:27 - Trump pede a senadores criação de 'sistema de imigração baseado em méritos'

Terça, 13 de fevereiro de 2018

12:00 - EUA advertem UE contra protecionismo no mercado de defesa

11:06 - Senadores preveem embate duro sobre projeto de imigração nos EUA

Segunda, 12 de fevereiro de 2018

16:32 - Washington não vai mais ser empecilho, diz Trump sobre plano de infraestrutura

Sexta, 09 de fevereiro de 2018

16:08 - Trump defende secretário afastado por acusação de agredir ex-esposas

Quarta, 07 de fevereiro de 2018

16:19 - Líderes no Senado dos EUA anunciam acordo de 2 anos para orçamento

Sexta, 26 de janeiro de 2018

17:12 - Em Davos, Trump promove EUA como aberto aos negócios

Quarta, 24 de janeiro de 2018

16:31 - Médico é condenado a até 175 anos de prisão após abusar de ginastas nos EUA


// leia também

Segunda, 19 de fevereiro de 2018

15:55 - Embaixada da Polônia em Israel é pichada com suástica

15:43 - Estudantes da Flórida protagonizam debate sobre armas nos EUA

08:44 - Estado Islâmico reivindica ataque que matou 5 em igreja da Rússia

Domingo, 18 de fevereiro de 2018

18:00 - Guiana anuncia aumento de presença militar em fronteira com Venezuela

15:00 - Trump; Rússia atingiu objetivo de criar ruptura nos EUA

13:30 - Trump pede que FBI volte ao básico

13:00 - Diplomatas europeus e representante do Irã tiveram reunião

10:34 - TCU, burocracia e eleições empurram leilões para 2019

09:39 - Acidente com avião no Irã deixa 66 mortos

09:00 - Avião faz pouso de emergência para retirar passageiro com gases