WhatsApp Twuitter

Quarta, 07 de março de 2018, 11h50

Papa exalta Jogos de Pyeongchang por ajudarem a promover a paz mundial


O papa Francisco elogiou, durante a sua audiência geral desta quarta-feira no Vaticano, o papel que os Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang, realizados no mês passado na Coreia do Sul, desempenharam para mostrar que ‘o esporte pode construir pontes entre países em conflito e dar uma válida contribuição para as perspectivas de paz entre os povos‘.

A manifestação do pontífice em relação a este assunto aconteceu dois dias antes da cerimônia de abertura da Paralimpíada de Inverno de Pyeongchang, marcada para sexta-feira. Ao abordar a competição que ocorrerá entre 9 e 18 de março, o papa também exaltou os atletas paralímpicos como ‘exemplos de coragem, perseverança e tenacidade ao não permitirem que as suas limitações (físicas) tenham a última palavra‘, se referindo à superação natural que eles exibem no esporte como portadores de deficiência.

Durante a Olimpíada de Inverno disputada no mês passado, as Coreias do Sul e do Norte, inimigas políticas históricas, competiram com equipes unificadas contando com atletas dos dois países em várias modalidades. E esta união enviou uma importante mensagem de paz para os líderes das duas nações e para os outros chefes de Estado de todo mundo.

Para completar, uma cena que até tempos atrás parecia impossível marcou a cerimônia de encerramento dos Jogos de Inverno. As delegações das duas Coreias entraram lado a lado no estádio em Pyeongchang, sinalizando a desejada paz que terminaria com longos anos de conflitos. Naquela ocasião, os atletas de ambos os países desfilaram pelo estádio sob intensos aplausos, portando bandeiras das duas Coreias, além das cores da península coreana.

O papa Francisco, que já expressou o seu temor pela possibilidade de um conflito nuclear entre norte-coreanos e sul-coreanos, declarou que os atletas olímpicos demonstraram que o esporte pode trazer a paz, assim como acontecerá com os competidores paralímpicos no grande evento em Pyeongchang. E ele também lembrou que o esporte adaptado ‘aparece como uma grande escola de inclusão e também de inspiração e de compromisso para transformar a sociedade‘. 



// matérias relacionadas

Quinta, 14 de junho de 2018

13:18 - Papa volta a enviar perito para apurar abusos

Sexta, 03 de novembro de 2017

10:43 - Papa Francisco admite que às vezes dorme enquanto reza

Segunda, 11 de setembro de 2017

09:20 - Papa se desequilibra, bate a cabeça e machuca olho esquerdo, mas está bem, diz Vaticano

Quinta, 11 de maio de 2017

09:35 - Papa pede que bispos lutem contra corrupção na América Latina

Terça, 04 de abril de 2017

15:38 - Jovem de New Jersey se declara culpado de trama para matar o papa

Sexta, 24 de março de 2017

08:21 - Papa Francisco aprova canonização de mais de 30 beatos brasileiros

Quinta, 26 de janeiro de 2017

09:26 - Schwarzenegger participa de audiência com o papa

Segunda, 23 de janeiro de 2017

09:40 - Papa ataca populismo e alerta para salvadores

Quarta, 04 de janeiro de 2017

09:28 - Papa exprime preocupação após massacre em Manaus

Segunda, 21 de novembro de 2016

10:13 - Papa amplia permissão para absolvição pecado do aborto


// leia também

Quinta, 21 de junho de 2018

10:45 - ONU e Rússia apelam a EUA que reconsiderem saída de Conselho

10:32 - Coreia do Sul - tribunal decide que matar cães para consumo é ilegal

Quarta, 20 de junho de 2018

15:24 - Proposta para encerrar separação de famílias imgirantes irá a voto nos EUA

15:00 - Homem tenta espantar cobra e coloca fogo na própria casa na Finlândia

11:14 - Ex-presidente do Panamá Ricardo Martinelli cumprirá pena em uma penitenciária

10:36 - Jornalista dos EUA chora ao vivo ao noticiar separação de crianças dos pais

Terça, 19 de junho de 2018

19:30 - Líder republicano diz apoiar lei que deixa famílias imigrantes juntas nos EUA

14:29 - Merkel e Macron se unem por orçamento do euro e combate à imigração ilegal

14:16 - Tailândia cumpre primeira pena de morte em nove anos

13:30 - Crime cresce na Alemanha desde que país passou a aceitar imigrantes, diz Trump