WhatsApp Twuitter

Sexta, 13 de abril de 2018, 22h53

bombardeio na síria

Explosões são ouvidas em Damasco. Centro de pesquisa é atingido


Minutos depois do presidente Donald Trump confirmar o ataque dos Estados Unidos à Síria na noite desta sexta-feira (13), testemunhas já relatavam pelo menos seis explosões na capital Damasco.

O céu da cidade rapidamente ficou coberto por um clarão e rastros de ataques aéreos. O Pentágono confirmou que três locais foram atingidos: um centro de pesquisas nas proximidades da capital, um centro de armazenamento em Homs e um local de armazenamento de produtos químicos em um "importante centro de comando".

Segundo a agência de notícias Reuters, a defesa síria disse na TV estatal que derrubou pelo menos 13 mísseis norte-americanos, em Al Kiswah, nos subúrbios da capital síria.
França e Reino Unido já manifestaram apoio aos ataques, considerado de precisão contra alvos específicos, para reduzir a capacidade de ataques químicos do governo de Bashar al-Assad.

O governo norte-americano diz que o bombardeio é uma retaliação ao ataque químico sírio no último sábado. Ainda assim, durante entrevista no Pentágono, o chefe do Estado Maior, Joseph Dunford, garantiu que civis não foram feridos.

— Os alvos foram cuidadosamente escolhidos e têm relação com o uso de armas químicas. Escolhemos esses alvos especificamente para minimizar os riscos de civis.

O secretário de Defesa dos EUA, James Mattis, disse também que o ataque de maior envergadura se deu porque o regime de Assad não entendeu o pedido de redução das armas químicas.

— Claramente o regime de Assad não entendeu a mensagem do ano passado. Desta vez, nós e nossos aliados golpeamos com mais força. Juntos, enviamos uma clara mensagem a Assad e seus tenentes assassinos.



// matérias relacionadas

Terça, 17 de abril de 2018

09:09 - Ofensiva na Síria foi resposta necessária a ataque com armas químicas, diz G-7

Segunda, 16 de abril de 2018

13:05 - Ações militares na Síria foram tomadas como último recurso, diz Theresa May

10:38 - Ministro russo diz que inspetores não podem acessar a Síria sem permissão da ONU

Domingo, 15 de abril de 2018

15:30 - Ministro do Irã condena ataques de EUA, Reino Unido e França à Síria

14:00 - Após ataques aéreos, Assad lança nova ofensiva contra rebeldes na Síria

10:36 - TV estatal da Síria diz que 5 mil soldados foram enviados a Douma, após ataque

Sábado, 14 de abril de 2018

11:38 - Líderes europeus mostram apoio a ataque contra Síria

10:32 - Presidente sírio promete 'esmagar o terrorismo' após ataque

Sexta, 13 de abril de 2018

22:37 - Donald Trump anuncia ataque à Síria com apoio de França e Reino Unido

Quinta, 12 de abril de 2018

15:17 - Rússia avisa que há risco de guerra se EUA atacarem a Síria


// leia também

Sexta, 20 de abril de 2018

18:30 - Democratas processam campanha de Trump, seu filho, genro, Rússia e Wikileaks

15:40 - Cambojano mata ex-mulher e transmite seu suicídio no Facebook

15:20 - Anotações de Comey mostram que Trump falou com ele sobre prostitutas russas

09:43 - Kim cede em exigências para se desarmar, diz presidente da Coreia do Sul

Quinta, 19 de abril de 2018

20:00 - Díaz-Canel promete continuidade ao assumir como presidente de Cuba

15:59 - Youtuber chinês pode ir para a prisão por pegadinha com morador de rua

15:22 - Suspeito dos ataques de 11 de setembro é detido na Síria

10:22 - Coreia do Norte busca desnuclearização, diz líder sul-coreano

10:18 - Trump deixa em aberto possibilidade de abandonar reunião com líder norte-coreano

Quarta, 18 de abril de 2018

14:59 - Amigo de brasileiro esfaqueado nos EUA afirma; 'Não foi aleatório'