WhatsApp Twuitter

Quinta, 10 de maio de 2018, 09h34

Após reunião na Coreia

Trump diz que libertação de americanos não mudará forma de lidar com Kim Jong-un


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, comemorou na madrugada desta quinta-feira uma de suas maiores vitórias na política internacional: a libertação de três norte-americanos que estavam presos na Coreia do Norte. Trump fez um breve pronunciamento nesta quinta na Base Aérea de Andrews, no Estado norte-americano de Maryland, onde foi receber os ex-prisioneiros e o secretário de Estado, Mike Pompeo, que voltou de uma reunião com o líder norte-coreano, Kim Jong-un.

Estadão Conteúdo

Apesar da vitória, Trump negou que a libertação vá mudar a forma como os EUA vão lidar com Kim. ‘Mike Pompeo fez um trabalho fantástico‘, disse o presidente, reforçando que a maior vitória vai ser quando toda a Península Coreana for desnuclearizada.

‘Nós estamos felizes por eles (os norte-coreanos) os terem liberado antes da reunião (que Trump e Kim devem fazer em breve)‘, disse. ‘Não achávamos que isso iria acontecer‘, acrescentou. O presidente novamente falou sobre o encontro com o presidente Kim, reforçando que data e local já foram definidos, mas sem dar mais detalhes. ‘Há boas chances de que façamos algo significativo com Kim‘.

O avião com os três americanos aterrissou pouco antes 3h da madrugada no horário local desta quinta-feira na Base Aérea de Andrews (4h de Brasília). Trump e Pompeo chegaram antes. Apesar de anormal para um presidente cumprir um evento durante a madrugada, Trump fez questão de comparecer.

A soltura de Kim Dong Chul, Kim Hak Song e Tony Kim representou um sinal importante de entendimento entre as duas nações. Dois deles foram presos em 2017, sob a suspeita de praticarem atos hostis no país. Já Kim Dong Chul foi preso em 2015 e cumpria pena de 10 anos por espionagem.

Pompeo se reuniu com o presidente norte-coreano, Kim Jong Un, para tratar os detalhes finais da reunião entre Kim e Trump. Os três americanos embarcaram com Pompeo no avião até chegarem ao Japão, onde foram transferidos para outra aeronave com instalações médicas para a viagem de volta. Os três estão com boa saúde.  



// matérias relacionadas

Quinta, 16 de agosto de 2018

11:49 - Mais de 300 jornais norte-americanos se unem contra Trump

Segunda, 13 de agosto de 2018

12:30 - Pela primeira vez, secretário da Defesa dos EUA visita o Brasil

Sábado, 11 de agosto de 2018

10:14 - Nasa adia lançamento de missão para 'tocar' o Sol com nave hiper-resistente

Sexta, 03 de agosto de 2018

10:16 - Ivanka Trump quebra silêncio sobre separação de famílias: 'Ponto baixo'

Terça, 31 de julho de 2018

10:13 - Bruno Soares é o único brasileiro a avançar nas duplas de Wimbledon

09:43 - Imigrantes dizem ter sido separados novamente dos filhos nos EUA

Quinta, 26 de julho de 2018

11:10 - Trump se prepara para derrota republicana nas eleições parlamentares

08:28 - Agência espacial descobre lago com água líquida em Marte pela primeira vez

Segunda, 23 de julho de 2018

11:47 - Donald Trump responde presidente do Irã: 'Nunca mais ameace os EUA'

Domingo, 22 de julho de 2018

08:41 - Mulher morre após jovem fazer reféns em supermercado de Los Angeles


// leia também

Sábado, 18 de agosto de 2018

13:00 - Plano de Alckmin prevê mais poderes na Fazenda

11:11 - Morre Kofi Annan, ex-secretário-geral da ONU

10:41 - No Twitter, Trump reafirma que país tem feito 'grandes acordos comerciais'

Sexta, 17 de agosto de 2018

15:34 - Alemanha faz acordo com Grécia para barrar imigrante com pedido de asilo aberto

13:36 - Secretaria de saúde na Colômbia recomenda não fazer sexo durante onda de calor

10:55 - Acidente de ônibus deixa 16 feridos no norte da Alemanha

09:07 - Ameaças de bomba afetam 8 voos e prejudicam 400 passageiros no Chile

Quinta, 16 de agosto de 2018

16:42 - Itália e UE entram em desavença por responsabilidade por colapso de ponte

15:49 - Médico da rainha Elizabeth II morre em acidente de bicicleta

11:56 - Queda de ponte em Gênova acende polêmicas nacionalistas na Itália