WhatsApp Twuitter

Terça, 15 de maio de 2018, 15h33

homicídio em segundo grau

Norte-americano é indiciado por assassinato de estudante brasileiro


O estudante norte-americano Michael C. Roque, 20, foi indiciado na noite de segunda-feira (14) pela morte do brasileiro João Souza. O crime aconteceu na noite de 15 de abril em um dormitório da Universidade de Binghamton, no estado de Nova York (EUA).

Reprodução/ Facebook

João Souza, 19, estava no 2º ano de Engenharia na Universidade de Binghampton 

Roque nega o crime, mas foi indiciado por homicídio em segundo grau e, se condenado, pode pegar uma pena de 25 anos a prisão perpétua. O julgamento ainda não foi marcado.

O crime

Segundo a polícia, João Souza foi atacado de maneira premeditada, mas os motivos do crime ainda não foram divulgados. Michael Roque esfaqueou o brasileiro no pescoço dentro do dormitório. Ele foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada em um hospital.

Michael Roque foi preso no dia seguinte, depois que a universidade divulgou imagens do circuito de segurança que mostravam o rapaz entrando no dormitório usando blusão com capuz, luvas e máscara. Depois de cerca de 20 horas de buscas, ele foi preso pela polícia do campus.

Segundo caso

O assassinato do brasileiro foi o segundo contra estudantes da universidade de Binghamton neste ano. Em 9 de março, a estudante de enfermagem Haley Enderson foi encontrada morta, também a facadas, em uma residência estudantil fora do campus.

Principal suspeito do crime, o namorado da estudante, Orlando Tercero, fugiu para a Nicarágua, mas foi preso pelas autoridades locais e aguarda extradição. 



// leia também

Terça, 14 de agosto de 2018

17:28 - Mujica renuncia ao cargo de senador

15:46 - Atropelamento em Londres deixou 3 feridos; suspeito não colabora

15:39 - Mortos por desabamento de viaduto na Itália chegam a 35

12:30 - Estação em Londres é fechada após motorista bater em barreiras

09:55 - Atropelamento diante do Parlamento em Londres é tratado como terrorismo

09:39 - Ponte desaba em Gênova, na Itália, e deixa ao menos 11 mortos

Segunda, 13 de agosto de 2018

16:04 - Cristina Kirchner nega ter relação com casos de corrupção na Argentina

15:42 - Ex-assessora de Trump divulga gravação da demissão e faz ameaças

12:30 - Pela primeira vez, secretário da Defesa dos EUA visita o Brasil

11:50 - Ataque de homem-bomba deixa policial morto no Afeganistão