WhatsApp Twuitter

Quinta, 11 de janeiro de 2018, 10h08

Adolescente de 15 anos morre sem diagnóstico e família vai processar

Keka Werneck, repórter do GD


Reprodução/Facebook

Vitor não aguentou e morreu na UTI do PS de Cuiabá. Laudo fala em choque séptico, mas não identifica doença.

Morreu nesta quarta-feira (10) à noite, sem diagnóstico, o adolescente Vitor Hugo, 15, de Sinop (500 Km ao norte de Cuiabá).

Ele estava internado no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC), para onde foi transferido, por pressão da mãe dele, Daniela Luciana, que vinha lutando para conseguir o devido atendimento ao rapaz. Mas só no PS faltavam pelo menos 4 especialistas gastrointestinal, nutrólogo, endocrinologista e reumatologista.

Sem especialistas, quadro de saúde do adolescente Vitor Hugo se agrava

No atestado de óbito, segundo a mãe, consta como causa da morte choque séptico grave, ou seja, infecção generalizada. Mas a doença que o enfraqueceu até a morte, começando por forte diarréia, não foi identificada e ainda é um mistério.

Em mais de 3 meses de internação, Vitor foi operado 3 vezes. "Abriram a barriga dele para investigar e nada e ele veio transferido de Sinop até a Capital com a barriga aberta, igual a um bicho", lamenta a mãe.

A família que, nos últimos dias de vida do garoto, vem denunciando a falta de médicos especialistas que pudessem salvá-lo, já decidiu que vai processar por negligência as unidades hospitalares que o receberam e também médicos e gestores públicos. "Faço isso por meu filho mais velho, pelos filhos de todas as famílias, que possam vir a precisar também e não encontrar, para que a negligência não bata mais à porta de ninguém", diz a mãe, de luto.

Na luta pelo melhor atendimento do filho, afirma que foi humilhada. "Em uma ocasião, fiz cobranças a uma médica, disse que estava ocorrendo negligência, e, na maior grosseria, ela me questionou se eu sabia o que é isso. Eu sei sim, é a falta de cuidar como se deve de um paciente", narra a mãe.

Ela disse que vai cobrar os prontuários e documentação médica do filho, para juntar no processo judicial.

O corpo de Vitor foi encaminhado à Sinop na manhã desta quinta-feira (11) por uma funerária para o velório e sepultamento.

Outro lado

Ao ser questionada sobre este caso, a Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá negou a falta de médicos no Pronto-Socorro e afirmou que o rapaz estava sendo assistido na UTI, recebendo toda a atenção necessária para que a saúde dele fosse reestabelecida.



// matérias relacionadas

Terça, 19 de junho de 2018

09:06 - Governador afirma que equipamentos do Pronto Socorro já estão sendo negociados

Segunda, 18 de junho de 2018

08:31 - Número de obesos entre jovens mais que dobra em uma década

Sexta, 15 de junho de 2018

11:29 - Prefeitura tem aval do Estado para alugar equipamentos hospitalares

Quinta, 14 de junho de 2018

21:00 - Pelo menos 1,6% da população brasileira doa sangue; jovens são maioria

17:20 - Mulher aguarda 13h para ser atendida na UPA e marido se revolta

Quarta, 13 de junho de 2018

09:56 - Três em cada quatro idosos que fraturam o fêmur têm osteoporose

Sexta, 08 de junho de 2018

13:20 - Fundo emergencial de R$ 183 milhões não está atrelado à saúde, diz Botelho

Terça, 05 de junho de 2018

09:22 - Menina com hipotireoidismo ganha liminar, mas não consegue exame em hospital

Segunda, 04 de junho de 2018

12:52 - ANS suspende comercialização de 31 planos de saúde por reclamações

Quinta, 31 de maio de 2018

08:52 - Em Mato Grosso, 11 mortes estão confirmadas por Influenza


// leia também

Quarta, 20 de junho de 2018

09:50 - Sine oferta mais de 1.500 vagas de emprego em Mato Grosso

07:30 - Família de esteticista diz que laudo deu respaldo para punir envolvidos

Terça, 19 de junho de 2018

18:17 - Governo do Estado rompe contrato com empresa responsável por obras de aeroporto

16:15 - Prefeitura de Cuiabá abre seletivo com 4 mil vagas e salários de até R$ 3,2 mil

14:35 - Bebê indígena continua internada em UTI em estado grave

13:35 - Homem morre após perder controle de moto e cair em estrada vicinal

12:15 - Alunos e professores da UFMT decidem retomar as aulas dia 25

09:00 - Morre trapezista que caiu durante apresentação

07:44 - Carreta carregada com agrotóxicos tomba na 364

Segunda, 18 de junho de 2018

18:46 - Prefeitura obtém Certidões Negativas de Débito e pode contrair empréstimo